Sexta-feira, 31 de Dezembro de 2010

Saudades

Tudo na vida tem o seu sentido. E o que tem sentido também se pode ver desprovido dele, como por exemplo a saudade.

 

Foi difícil entender que a saudade já não tinha qualquer sentido. Até ao dia em que me foi difícil lembrar da textura da tua pele, do cheiro do teu cabelo, do sabor do teu sorriso, perdendo-me então na tentativa de lembrar a cor dos teus olhos, não pensando neles como a luz que tanta vez me iluminou, mas apenas na fria dúvida da sua cor.

 

Aos poucos tudo foi desaparecendo do meu coração, ficando apenas as memórias. Estas que são moldadas tão facilmente, deixando passar algo assim tão bonito, o coração esqueceu, deixando tudo o que aconteceu definitivamente no passado, sendo que para lá chegar seja preciso tentar lembrar como foi, e não senti-lo.

 

Acaba por ficar tudo para trás, ficando apenas a lembrança das palavras que foram ditas, e do bom que foi sorrir perdido no calor dos teus braços, ficando apenas um sorriso sobre aquilo que foi chamado de amor.

pensamentos de Fallen angel às 23:32
link | acho que vou comentar | favorito

.sobre nós

.Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.ideias desta cabeça

. Saudades

. Amalgama

. Paciência

. Mudanças

. Ecos na falha de memória

. Coragem ou outra coisa?

. Sentimento de estranheza....

. Esperar...

. Devaneios sobre nostalgia

. Parabéns!

.à tanto tempo...

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

.tags

. todas as tags